5 Importantes Indicadores de performance dos sistemas fotovoltaicos.

 

Como já dizia William Edwards Deming: “Não se gerencia o que não se mede, não se mede o que não se define, não se define o que não se entende e não há sucesso no que não se gerencia.” Essa famosa frase do estatístico, é aplicável também ao universo dos sistemas fotovoltaicos! Entre tantos dados e informações possíveis de serem considerados junto aos sistemas fotovoltaicos, os indicadores de performance permitem diferenciar os sistemas que estão operando de forma otimizada daqueles que precisam de mais atenção ou, até mesmo, de uma eventual intervenção para melhorar seu desempenho. E foi pensando nisso que listamos para você os 05 indicadores de performance dos sistemas fotovoltaicos:

Disponibilidade (availability)

A Disponibilidade corresponde ao tempo no qual o Sistema Fotovoltaico está disponível para produzir energia.  Sua definição está na norma IEC 61724, e sua medida é dada em percentual, podendo ser calculada em diferentes períodos: anual, mensal , etc. Para o cálculo da Disponibilidade, utiliza-se a equação:

formula de Disponibilidade

Onde:

m = Tempo médio para falha (Mean Time To Failure – MTTF)

r = Tempo médio para reparo (Mean Time To Repair – MTTR)

T = Tempo médio entre falhas (Mean Time Between Failure – MTBF)

As variáveis são ilustradas na Figura 1.

figura 1

Figura 1.

Entrega de energia (Energy Delivery)

Discutido na IEC 61724 a entrega de energia é um indicador que apresenta, literalmente a energia que foi “entregue” pelo sistema a cada ano. É medido em MWh/ano, podendo também, ser calculada para o dia, hora, mês ou em um período intermediário.A entrega de energia também pode ser chamada de energia anual entregue pelo sistema e também pode ser objeto de contrato dos empreendimentos fotovoltaicos.

Índice de performance de energia

Definido pela IEC 61724-3, este indicador representa o percentual obtido pela relação entre a energia que é produzida e energia que é projetada (esperada). O índice de performance permite interpretar o quão assertivo foi o projeto.

O índice de performance de energia é calculado da seguinte forma:

IPE = Ereal/Eproj

Onde:

IPE = Índice de performance de energia

Ereal = Energia real na saída do inversor

Eproj = Energia projetada (esperada)

O IPE pode ser calculado para o ano e, também, em períodos intermediários.

Performance Específica (Specific Performance)  ou o rendimento final (final yield)

A Performance específica é definida na norma IEC 61724 e apresenta a relação entre a energia entregue pelo sistema fotovoltaico e potência nominal da usina. Sua unidade é dada em kWh / kW / ano ou em h/ano. A performance específica pode ser calculada da seguinte forma:

Yf = Epv/Pdc

Yf = Performance específica (Final Yield)

Epv = Energia gerada pelo sistema fotovoltaico.

Pdc = Potência CC do sistema fotovoltaico

Este indicador é calculado de forma anual, mas também pode ser calculado para períodos menores.

Taxa de Performance (Performance Ratio)

Performance ratio é descrito na IEC 61724-1 e é dado pela relação entre a performance específica do sistema com a performance específica de referência. A taxa de performance é uma medida, que permite a comparação entre os sistemas de diferentes localizações. Ele determina a qualidade de um sistema fotovoltaico e pode ser denominado como um fator de qualidade.

No Brasil, o Performance Ratio fica entre 54 e 79% [4].

O Performance Ratio pode ser calculado da seguinte forma:

PR = Yf/Yr = (Efv/Pfv)/(Hi/Gstc)

Yf = Performance Específica ou rendimento final (Final Yield)

Yr = Rendimento de referência (Reference Yield)

Epv = Energia gerada pelo sistema fotovoltaico em um período específico.

Pdc = Potência fotovoltaica

Hi = Irradiação no plano inclinado (plano dos módulos)

Gstc = Irradiação de referência no plano inclinado (dos módulos) = 1kW/m²

Estes cinco indicadores, podem ser considerados como os principais indicadores de performance dos sistemas fotovoltaicos. Há outros indicadores que podem ser utilizados que abordaremos em breve!

E aí, gostou?

Se ficou com alguma dúvida, mande pra gente nos comentários.Caso não tenha, escreva seu comentário dizendo: quais destes indicadores você utiliza.Continue nos acompanhando! Logo, traremos mais curiosidades e detalhes deste mundo fotovoltaico.

Um abraço

Gestor Solar

Referências:

 https://www.nrel.gov/docs/fy17osti/67553.pdf

 https://www.nrel.gov/docs/fy05osti/37358.pdf

 https://waset.org/publications/6999/performance-and-availability-analyses-of-pv-generation-systems-in-taiwan

 https://repositorio.ufsc.br/bitstream/handle/123456789/156738/334856.pdf?sequence=1&isAllowed=y

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s